Twitter Facebook Instagram
Para acessar sua área PDO, insira os campos abaixo.

'Degustação' da Francal marca volta das feiras de negócio

Notícias 27 de agosto de 2021

Entre os muitos setores que sofreram os impactos da pandemia em 2020, não deve ser esquecido o de feiras de negócios, que deixou de alavancar mais de R$ 900 milhões devido aos cancelamentos ou adiamentos dos eventos presenciais, segundo levantamento da Ubrafe (União Brasileira de Feiras e Eventos de Negócios).

“Aqui de Garça, rotineiramente, saiam empresários, empreendedores dos mais diferentes segmentos para participar dessas feiras que agregam, e muito na vida laboral dos participantes. É o local onde se tem acesso as novidades e onde também pode se trocar experiências e ampliar a rede de contatos. Tudo isso é muito importante para o empresário”, falou o presidente da Associação Comercial e Industrial de Garça - ACIG-, João Francisco Galhardo.

Com o avanço da vacinação, flexibilização maior das medidas restritivas e, principalmente, a proximidade do fim do ano, uma das feiras mais tradicionais do setor calçadista, a Francal, cuja última edição foi em 2019, marca a volta dos eventos presenciais adequada ao momento: em formato showroom, dentro de um hotel. 

Realizado em parceria com a Ablac (Associação Brasileira de Lojistas de Artefatos e Calçados), o 'Showroom de Calçados e Acessórios Francal' acontece nos próximos dias 01 e 02 de setembro, das 9h às 19h.

Menor, com controle de público, seguindo rígidos protocolos sanitários e com estandes compactos (9m²), o evento, sediado no Holiday Inn Parque Anhembi (Zona Norte paulistana), atende a uma demanda do mercado e tem foco em negócios e relacionamento, segundo Abdala Jamil Abdala, presidente da Francal Feiras. 

“Nossa preocupação sempre foi a saúde e, dentro desta premissa, intensificamos o diálogo com o setor na pandemia e decidimos em conjunto adiar a Francal Ablac Show para 2022”, explica. "Mas identificamos o desejo do mercado por um encontro presencial ainda este ano para aquecer as vendas, e decidimos atender”. 

A princípio, mais de 20 marcas de todos os portes aderiram espontaneamente ao formato, desenvolvido com estrutura modular e dimensão padronizada e compacta dos estandes que, segundo os organizadores do evento, darão mais destaque às coleções e deixarão a área de exposição mais segura. 

Reforçando o formato de "Salão do Sapato" para a edição deste ano, Abdala afirma que a ideia é proporcionar uma visitação mais regionalizada, uma espécie de 'esquenta' para o que deve vir a partir de 2022. 

"É um formato pequeno, mas que vai gerar negócios, e que promoverá a volta do relacionamento, fundamental para o setor", destaca, dizendo que a expectativa é receber cerca de 500 visitantes. "É pouco, mas obviamente será um start, para mostrar que o setor está vivo até as feiras voltarem a acontecer em toda sua pujança." 

O Show Room de Calçados e Acessórios Francal é exclusivo para profissionais do setor, mediante comprovação da atividade profissional, e as inscrições podem ser feitas somente on-line, por meio deste link. 


IMPACTOS E EXPECTATIVAS  

Desde março de 2020, quando foi realizada a Abrin, tradicional evento do setor de brinquedos, último evento realizado de forma presencial antes da pandemia, o setor de feiras de negócios amargou perdas. 

Com o avanço da pandemia, a média de R$ 300 bilhões em negócios gerados anualmente em quase 750 feiras deixou de acontecer, segundo Abdala Jamila Abdala que, além de comandar a Francal, também é presidente do Conselho de Administração da Ubrafe. 

"O comércio e os shoppings fechavam, mas podiam abrir. Mas nós não, ficamos fechados."

Ao reforçar que as perdas foram 'incalculáveis', ele conta que, devido às características do setor, os eventos on-line geraram pouquíssimos negócios, e serviram mais para troca de informações e atualização do mercado. 

"Não foi só perda de negócios, mas de empregos. A própria estrutura da cidade foi prejudicada, como transporte aéreo, restaurantes e hotéis, cuja ocupação, que chega a 70% nesses períodos, hoje não passa de 10%."

Com o showroom da Francal, e a perspectiva de realização de pelo menos 90 eventos ainda em 2021, Abdala afirma que este será um grande passo do setor para que os negócios voltem a acontecer.  

Em sua avaliação, a vacina trouxe confiança, e todos os expositores e empresários do setor estão preparados para cumprir rigorosamente os protocolos sanitários e atender às mudanças de comportamento. 

"Entendemos que 2022 será um novo cenário, que vai permitir eventos presenciais e principalmente geração de negócios. Isso representa empregos, renda e volta à estabilidade social", acredita.

Parceiros

CACB SCPC Certisign CRDC ACCREDITO