Twitter Facebook Instagram
Para acessar sua área PDO, insira os campos abaixo.

Associação Comercial propõe criação de conselho empreendedor

Notícias 08 de junho de 2021

Com o objetivo de agregar conhecimento, experiência e atividades, a Associação Comercial e Industrial de Marília propôs a formação de um Conselho Empreendedor com engenheiros civis marilienses. “A ideia é criar conselhos específicos com foco no empreendedorismo”, disse o vice-presidente da associação comercial local, Carlos Francisco Bitencourt Jorge, que esteve reunido com os engenheiros: Tercílio Coutinho e José Alfredo de Araújo Santana trocando ideias e detalhes sobre a possibilidade. “Sempre com o apoio do Sebrae, queremos levar conhecimento e instrução a esta categoria importante para o desenvolvimento de nossa cidade, sempre com foco no empreendedorismo”, reforçou o dirigente mariliense que está conversando com outros segmentos da sociedade na formação de novos conselhos dentro da associação comercial.

 

Atualmente a entidade conta com três conselhos bem estruturados e atuantes: o Conselho da Mulher Empreendedora e da Cultura, o Conselho do Jovem Empreendedor e o Conselho do Advogado Empreendedor. “Em breve estaremos com mais grupos, sempre com tendências e características empreendedoras”, falou Carlos Francisco Bitencourt Jorge que iniciou as atividade na entidade através do Conselho do Jovem Empreendedor na gestão do então presidente da associação comercial, Sérgio Lopes Sobrinho. “De lá para cá tenho participado de inúmeros programas, projetos e ações, cada vez mais me envolvendo com a classe empreendedora da cidade, e hoje estou na vice presidência”, recordou o dirigente que é responsável, na diretoria executiva, em captar mais empreendedores de Marília para os conselhos em criação na entidade.

 

Carlos Francisco Bitencourt Jorge considerou válido o encontro realizado, quando soube, por exemplo, que o profissional formado em Engenharia Civil é capacitado para projetar, gerenciar, supervisionar e executar obras e construções. Também é função deste profissional atuar na análise da insolação e da ventilação local, além de trabalhar na definição do melhor tipo de solo para edificações e construções. “Um Engenheiro Civil atua na áreas de: Geotecnia, Perícia, Segurança do trabalho, Georreferenciamento rural, Saneamento básico, Rodovias e transportes, entre outras ações importantes para o desenvolvimento de uma cidade”, disse o vice-presidente da diretoria da associação comercial que acredita na criação do grupo a ser assessorado. “Estou animado”, disse entusiasmado.

 

Segundo Carlos Francisco Bitencourt Jorge diante do perfil apresentado pelos dois convidados, a criação de um conselho com engenheiros civis em Marília, é oportuno. “Percebi que um engenheiro precisa ter habilidade em comandar equipes e proatividade”, falou. “Para isso, é preciso ter um perfil de liderança, com sensibilidade para identificar as habilidades de cada membro, entender as dificuldades que comprometem os resultados e manter a todos motivados”, explicou. “Características ideais para um empreendedor”, acrescentou ao aguardar novo encontro para definição das primeiras ações no sentido de conscientizar os interessados a fazerem parte do novo conselho da associação comercial.

 

LEGENDA – Encontro abre a possibilidade da criação de um conselho com engenheiros civis com foco empreendedor

LEGENDA/FOTO – ARQUIVO: Engenheiros 080621

Parceiros

CACB SCPC Certisign CRDC ACCREDITO